Cuidados redobrados na praia
21/02/2013
1 comment
Compartilhe

Cuidados redobrados na praia

Animais aquáticos venenosos – saiba dos riscos

Chega o verão e a grande maioria das pessoas só tem um pensamento ” não vejo a hora de ir à praia ” .Tirar aquele merecido descanso , curtir , relaxar e não se preocupar com absolutamente nada , certo ? NÃO !!

É necessário ficar atento à algumas precauções a serem tomadas , para não transformar seus momentos de alegria e curtição em um pesadelo !

Se vai a passeio a praias que não está habituado a ir , conheça abaixo alguns dos perigosos animais que costumam frequentar as praias de nosso litoral e o risco que eles nos oferecem em caso de contato com os mesmos .

Água-viva e Caravela

fotocaravela Cuidados redobrados na praia

 

Os acidentes causados por águas-vivas e caravelas provocam dor e linhas avermelhadas ou marcas redondas no local do contato. No momento do acidente, é útil o emprego de compressas de água do mar gelada ou gel congelado (“Gelox”) envolto por um pano e banhos de vinagre no local atingido para controle da dor e inativação do veneno. Se a dor continuar ou aparecer batedeira e falta de ar, procure auxílio médico imediatamente .
Bagre

bagre19666s Cuidados redobrados na praia

 

Os peixes venenosos mais comuns são os bagres, que machucam pescadores e banhistas, quando atirados nas praias. seus ferrões são serrilhados e de difícil extração. Todo acidente por peixe venenoso deve ter o local atingido imerso em água quente, mas tolerável, por 30-90 minutos, pois o veneno dos peixes degenera no calor e a dor diminui, mas é fundamental procurar auxílio médico, uma vez que existem complicações, como pedaços de ferrão no ferimento e infecções.

Ouriço-do-mar

 

fotoourico Cuidados redobrados na praia

Os acidentes por ouriços-do-mar são comuns e a retirada das espículas é difícil e dolorosa. Tome cuidado em áreas rochosas próximas a praias. Não tente retirar por si mesmo os espinhos e procure sempre um serviço médico, pois espículas que ficarem na pele podem causar complicações graves.

Arraia e Peixe-Escorpião

fotopeixe Cuidados redobrados na praia

Os acidentes provocados por arraias são mais raros que os causados por bagres e são de maior gravidade. A dor é violenta e as feridas na pele, mais comuns. O uso de água quente (cerca de 50º C) é fundamental para o alívio da dor (testar com a mão) por 30-90 minutos.

Procure auxílio médico. Envenenamentos por peixes-escorpião (mamangás, peixes-pedra) são muito graves e podem causar dor violenta, vômitos e mal estar. Imergir em água quente e retirar espículas ou fragmentos do ferrão ou epitélio glandular.

Fonte:  Folheto da UNESP, elaborado pelo Prof. Dr. Vidal Haddad Júnior

 

www.pescanapraia.com

Comentários

  1. Gii
    Gii junho 25, 20:45
    Muito bom saber!

Escrever comentário

Seus dados não será publicado! Seu endereço de email não será publicado. Também outros dados não serão compartilhados com terceira pessoa. Os campos obrigatórios marcados como *